home

Diário de Bordo

Lápis Raro
Lápis Raro
Ver todas

A Recepção Ao Novo Álbum dos Red Hot Chili Peppers na Internet

Categorias:

Compartilhe:

Há quase 1 mês, em 29 de agosto, uma das bandas mais importantes do planeta, os Red Hot Chili Peppers lançaram seu novo álbum, I’m With You. O álbum veio cercado de expectativas por marcar o retorno da banda, depois um longo período inativa e com um novo guitarrista.

Por esses e outros motivos, esse lançamento teve uma forte repercussão na internet. Com fãs, críticos e curiosos se manifestando via Twitter, Facebook, fóruns, blogs, etc.

E o que isso tem a ver com este blog? Bom, recentemente a Lápis Raro adquiriu uma licença de uso do BuzzMetrics, um dos mais avançados sistemas para monitoramento de Redes Sociais no planeta. E para comemorar essa aquisição, resolvemos fazer uma análise de como foi a recepção ao I’m With You na nossa querida internet brasileira, utilizando o BuzzMetrics e algumas de nossas metodologias internas. Confira tudo abaixo.

Comentários Sobre a Banda

O quanto se falou sobre Red Hot Chili Peppers com a chegada do novo álbum? Para entender isso, vamos analisar o volume de mensagens sobre a banda desde 22 de agosto, quando foi realizada uma listening party, com o álbum sendo disponibilizado na íntegra via streaming no site oficial.

Curiosamente, o dia com maior número de mensagens foi o da Listing Party, 22 de agosto. Superando inclusive o dia de lançamento do álbum e seus 2 dias seguintes. Este é um indicativo de que a estratégia de pré-lançamento funcionou bem para gerar buzz sobre o novo álbum nas redes sociais. Será que vamos começar a ver mais gravadoras fazendo listening parties daqui para a frente?

Também vemos um aumento contínuo no volume de mensagens começando em 15 de setembro. Um claro sinal da aproximação da turnê brasileira da banda, com shows em São Paulo e no Rock In Rio.

As Músicas do Álbum

E como foi o buzz de cada faixa do álbum? Quais são as mais comentadas?

Como era de se esperar, a música mais citada do álbum é “The Adventures of Rain Dance Maggie”, o single de lançamento.

Podemos notar também que as outras 3 canções mais comentadas são “Monarchy of Roses”, “Factory of Faith” e “Brendan’s Death Song”. Provavelmente não por coincidência, essas são as 3 primeiras faixa do álbum. Será que o pessoal teve preguiça de ouvir/comentar o álbum inteiro e ficou só nas primeiras? De qualquer forma, se os Chili Peppers fossem levar o buzz em consideração, essas seriam 3 fortes candidatas a ser um próximo single.

Os Membros da Banda

E afinal de contas, qual dos 4 integrantes da banda mais tem gerado discussões nas redes sociais?

E não é que Anthony Kiedis, o “frontman” da banda, não é o líder de mensagens? Flea, o baixista do grupo é o integrante mais comentado nas redes sociais. Seria pelo fato dele ser o único (além de Chad Smith) a ter um perfil no Twitter? Ou seria devido ao seu papel de grande destaque nas músicas do novo álbum? Provavelmente um pouco de cada coisa.

Uma curiosidade: parece que Josh Klinghoffer, o novo guitarrista, ainda vai ter muito trabalho pela frente para conseguir ocupar o espaço de John Frusciante no coração dos fãs. Como você pode ver abaixo, o antigo membro tem sido muito mais comentado do que o novato Klinghoffer:

O Que se Fala da Banda

Essas são as palavras mais usadas pelas pessoas em mensagens sobre o Red Hot Chili Peppers (clique na imagem para ampliar). Podemos notar ali muitos termos relacionados aos shows, como “rock in rio”, ou outras bandas que dividirão o palco com eles no festival, como “Snow Patrol” e “NX Zero”.

Análise de Sentimento

E, para fechar nossa análise, a pergunta é a seguinte: afinal, as pessoas estão gostando de I’m With You e todo esse novo momento da banda? Para responder a isso, fizemos uma análise de sentimento das mensagens capturadas. As mensagens foram classificadas em uma das 3 categorias: menções positivas, negativas e neutras. Vejam como ficou:

A maioria das mensagens podem ser consideradas “neutras”. E isso é comum nas redes sociais. Grande parte delas são referentes a posts informativos, RTs de notícias sobre a banda, pessoas simplesmente dizendo que estão ouvindo o álbum (sem juízo de valor) ou tweets de promoções.

Mas é interessante notar que a proporção de pessoas elogiando a banda é muito superior à de críticas. Se desconsiderarmos os comentários neutros, são 87% de manifestações positivas (contra 13% de negativas). Nada mal, Chili Peppers.

Bom pessoal, ficamos assim. Esperamos que esse post tenha servido para dar uma ideia das informações que se podem extrair das mídias sociais hoje em dia com as ferramentas e metodologias certas. Mas que também tenha servido como uma pequena homenagem a esta banda sensacional. 🙂

Comente aqui

Deixe uma resposta para Bruno Santos Cancelar resposta

Comentários:
20
  • Maria Elisa disse:

    pohan, rafa! arrasou na análise! ia adorar trabalhar com este tanto de informação!

  • Rafael Queiroz disse:

    Só tenho uma coisa a dizer: TE AMO CHILI PEPPERS!

  • Bruno Santos disse:

    Muito maneira a iniciativa de fazer esse estudo, mas acho que rolava um infográfico bala com essas informações, hein? #ficadica

  • Sensacional, muito bom meu chapa.

    E eu já estava falando desde as primeiras ouvidas hein, o CD ficou muito bom, chega perto inclusive do Wasting Light do Foo Fighters entre os melhores do ano.

    E convenhamos, o menino Josh está cumprindo muito bem a missão que a ele foi dada..

  • […] álbum (I´m With You,) da banda Red Hot Chili Peppers, lançado há menos de um mês. Acesse aqui e tenha ideia das informações que esta poderosa ferramenta pode extrair das mídias […]

  • Rafael Damasceno disse:

    Aimée, Raquel, Pat e Carla,

    Que bom que gostaram! Muito obrigado pelos elogios.

  • Carla Madeira disse:

    Rafael,

    muito bom ver uma análise tão inteligente mostrando tudo que podemos fazer Com O BuzzMetrics. Arrasou!

  • Patri Barbabela disse:

    Bom demais, Rafael!! O trabalho ficou ótimo.

  • Raquel Alvarez disse:

    Parabéns Rafa! Bem escrito, bem humorado, e com muita informação bacana!

  • Aimée disse:

    Rafa,
    mais uma vez parabéns!! Ficou muito legal o trabalho.
    Importante iniciativa.
    🙂

  • Pablo Almeida disse:

    Excelente análise do cenário atual dos Chili Peppers! 😉

  • Rafael Damasceno disse:

    Oi Thiago e Alex,
    muito obrigado pelos elogios!

    Vamos mandar uma camisa dos Chili Peppers aí para o IBOPE. hehehe

  • Alexsandro Primo disse:

    E ai Rafael,

    o release ficou fantástico, agradável de ler e repleto de insights sobre a banda. Digo inclusive, que poucos analistas de redes sociais conseguem extrair esse volume coerente de informações. Meus sinceros parabéns pela competência e iniciativa! Agora, me deu vontade de ouvir RHCP. Abs, Alex

  • Thiago Magalhães disse:

    Fala Rafael,
    Meus parabéns pela iniciativa!
    Achei o release leve e cheio de informações interessantes. Muito bom!
    Segue o rock 😉
    Abs

  • Rafael Damasceno disse:

    Oi Carine,
    Que bom que você gostou!

    Bom, foram necessárias sim algumas tentativas até saírem as queries redondinhas. Tinham alguns termos mais difíceis como “Ethiopia” ou “Flea” mesmo. Mas checamos todos os resultados das queries finais para termos certeza de ter retirado todo (ou quase todo) o ruído.

    E neste trabalho específico tivemos um facilitador: todos os termos são da língua inglesa. E como estávamos analisando mensagens em português (web brasileira), o ruído foi mais fácil de ser removido. Tenho certeza que para analisar “Look Around” na web americana, por exemplo, o trabalho teria sido muito maior.

  • Carine Gusso disse:

    Olá Rafael, tudo bem?
    Parabéns pela iniciativa e pesquisa. Também utilizo a BuzzMetrics aqui na agência em que trabalho.
    A ferramenta é realmente boa para diversos tipos de monitoramento.
    As querys de busca foram muito complicadas de serem criadas? Fico imaginando por exemplo, para a querys relacionadas aos nomes das músicas, foi necessário ficar refinando e criando filtros diariamente?
    Abraços 🙂

  • Rafael disse:

    A recepção negativa, muitas vezes vem influênciada pela espera de hits mais pop (como vieram nos álbuns californication e by the way), coisa que aparentemente o RHCP não está tão preocupado em fazer.
    Mas taí, o álbum é muito bem elaborado, o Flea continua destruindo, o Klinghoffer tá dando conta do recado e o Frusciante tá na onda dele, curtindo o próprio som.

  • Rafael Damasceno disse:

    Fala Arthur,

    Cara, eu tenho o nome do John Frusciante colado na minha guitarra. Então não preciso dizer que sou um fã maluco do cara né?

    A ideia de comparar com as citações do Klinghoffer é mais para mostrar o tamanho do peso nas costas do garoto. 🙂

  • Arthur disse:

    O John Frusciante é mais comentado e será sempre, o cara ganhou o prêmio de melhor guitarrista dos últimos 30 anos. Sem contar que o último cd dele lançado ( The Empyrean) foi sucesso absoluto de crítica. Comparar as menções de um e outro é até sacanagem.

R. Antônio de Albuquerque, 156 — 14º andar — Funcionários
Belo Horizonte MG — Brasil — CEP: 30112-010
Fone: +55 31 3211-5100 — Fax: +55 31 3211-5172
e-mail: contato@lapisraro.com.br